Juiz Odilon de Oliveira Juiz Odilon de Oliveira

É melhor correr o risco de salvar um homem culpado do que condenar um inocente.“

PDT e PODEMOS reforçam time de pré-candidatos à Assembleia e à Câmara Federal

6 de Abril de 2018

Faltando pouco mais de 24h para o fim do prazo de filiação partidária para quem quiser se candidatar nas eleições deste ano, o PDT e o PODEMOS ganharam dezenas de novos militantes em Mato Grosso do Sul. O juiz Odilon de Oliveira, pré-candidato pedetista a governador, esteve presente ao ato de filiação promovido pelo radialista Antônio Capilé na Vila Bandeirantes, que resultou no ingresso de 56 lideranças comunitárias de Campo Grande ao PDT. Já o pré-candidato ao Senado pelo PODEMOS, Chico Maia, e o presidente do Diretório Regional do partido, Cláudio Sertão, abonaram nesta sexta-feira (06) a ficha de inscrição no PODEMOS de advogados, empresários e professores universitários da capital, Dourados e Corumbá, muitos dos quais se colocam como pré-candidatos à Assembleia Legislativa e à Câmara Federal.

“São pessoas que acreditam na nossa proposta de construir um Mato Grosso do Sul e um Brasil livres da corrupção e dos desmandos. Independentemente de serem, no futuro, candidatos, ou não, eles estão somando conosco, o que me dá ainda mais força para continuar nessa caminhada”, afirmou o Juiz Odilon.

Chico Maia destacou que os novos integrantes do PODEMOS e do PDT nunca exerceram mandato eletivo.

“São pessoas que, indignadas, foram para as ruas recentemente pedir a punição dos corruptos, e acreditam que, apesar da crise ética, moral, política e econômica que o país vive há vários anos, é preciso ter esperança e lutar por um Brasil mais justo, comandado por gente séria e honesta como o Juiz Odilon”, disse. Entre os novos filiados estão os advogados Humberto Figueiró, Otávio Figueiró e Pedro Martins, o jornalista Lupércio Marques e o professor universitário Nilson de Barros

A escolha dos candidatos em convenções partidárias e a deliberação sobre coligações deverão ocorrer de 20 de julho a 5 de agosto. Os partidos e coligações devem solicitar à Justiça Eleitoral o registro de seus candidatos, após a escolha em convenção, até às 19h do dia 15 de agosto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*